Primeiro setênio (7 primeiros anos de vida)

Uma das minhas bases de estudo e mentoria é a antroposofia, a antroposofia é uma ciência espiritual que vê o ser humano de forma integrativa, que entende a nossa essência e nos enxerga como o ser único e especial que somos.


A antroposofia separa os períodos em setênio e hoje iremos falar um pouco mais sobre o primeiro setênio, de zero a 7 anos, esse setênio é marcado por ser um período de maior influência do ambiente e do convívio familiar. É a base de toda a nossa existência. É o período caracterizado como o “mundo é bom” e nosso dever como pais e responsáveis é fazer a criança vivenciar esse “mundo bom”.


A criança nessa fase, não sabe determinar o que é bom ou ruim, ela absorve tudo o que vivencia. Ela aprende por imitação, funciona como um espelho do adulto, por isso o que você faz precisa ser condizente com o que você fala.


É uma fase de experimentação, a criança está aberta ao mundo e ela descobre e entende o mundo experimentando, sentindo, cheirando, ouvindo, observando.


É com base nessa vivência que ela desenvolve conceitos e habilidades que levará consigo para o resto da vida.


Você já reparou o encantamento nos olhinhos dos pequenos observando algo simples como uma borboleta voando? Esse encanto e leveza deve ser protegido.


Quero propor um desafio: O que acha de se encantar junto com seu pequeno? Repare hoje, algo que seu filho(a) olhe e faça seu olhinho brilhar e tente você também admirar com a mesma magia dele. Você topa?